Curta nossa p?gina!
#

Projetos

JARDIM DAS ARTES Educação, arte e cultura em Mario Campos MG

Saiba Mais






Newsletter

Nome:
E-mail:

Imagens

 

 

> SUCESSO DO VII SEMINÁRIO DA IMIGRAÇÃO ITALIANA EM MG

A participação do historiador italiano Emilio Franzina, considerado o maior pesquisador da história da emigração italiana no Brasil e na América Latina, e o lançamento do livro dele “Entre duas Pátrias: A História dos combatentes Ítalo-Brasileiros na Primeira Guerra Mundial” provavelmente já, por si sós, atraiu boa parte dos 150 participanti que presenciaram esta edição do evento. 

A palestra de Franzina focalizou um acontecimento, até aqui, pouco comentado: a participação no Régio Esercito Italiano de aproximadamente 12.000 italo descendentes que, a partir de 1915, saíram do Brasil para lutar no nordest da Itália na Primeira Guerra Mundial.

O que impulsionou muitos jovem a voltar para um pais que a maioria deles nunca conheceu antes e arriscando a propria vida? Patriotismo, desejo de aventuras, medo de se tornar desertores e não poder voltar mais à Itália, motivações familiares e muito mais. Este é também o assunto principal do livro que teve lançamento no mesmo evento.

De acordo com a organização dos 150 inscritos e participantes metade foi de origem Italiana e a outra metade de pessoas interessadas na cultura e na historia da Itália. O VII Seminário da Imigração Italiana em Minas Gerais apresentou mais duas palestra muitos interessantes, uma visando os novos imigrantes e a outra a procura dos antepassados.

Na palestra “Nova Migração Italiana Para o Brasil: a Realidade do Censo e os Dados do Projeto Nuovi Arrivati” o Prof. Pier Francesco de Maria, da Universidade Estadual de Campinas e pesquisador do Observatório das Migrações São Paulo, trouxe os dados dos imigrantes que vieram para o Brasil depois do ano 2000; contou das motivações e dos problemas deles. O Professor participa também dum projeto que realiza encontros em São Paulo e disponibiliza sugestões aos imigrantes, estes encontros foram registrados e serão em breve compartilhados com os imigrantes em outras cidades do Brasil.

Na terceira palestra o pesquisador e genealogista Stanley Savoretti de Souza discursou sobre a Genealogia como Instrumento para o Estudo da Imigração Italiana, o pesquisador mostrou como a partir de simples dados sobre avôs ou bisavôs seja possível a reconstrução das origens da família e de suo local de proveniência, falou de sua paixão e emoção em realizar estas pesquisas.

www.italiaemminasgerais.com.br/noticias-italia-em-mg/719-sucesso-do-7-seminario-da-imigracao-italiana-em-mg

Estiveram presentes também alguns dos descendentes de imigrantes italianos de São João del Rei que compõem atualmente a Associação Colônia Viva; eles apresentaram o “Roteiro Turístico Rural em São João del Rei”, que pretende atrair turistas para visitar as fazendas participantes do Roteiro com o objetivo de divulgar a cultura e a gastronomia local que teve origem nos imigrantes italianos.

Muitas as autoridades presentes a começar pela Cônsul da Itália em Belo Horizonte Aurora Russi, que, na mesa de abertura, leu uma mensagem enviada aos realizadores do evento por Luigi Vignali, diretor Geral para os Italianos no Exterior do Ministério Italiano das Relações exteriores. Entre outros estiveram no seminário Fausto Longo, Senador da Repubblica Italiana; Silvia Alciati, integrante do Conselho Geral dos Italianos no Exterior; Silvana Sica, Presidente do Comites MG; o Embaixador Paulo Wagner de Miranda, chefe do escritório em Minas do Itamaraty; Luis Gustavo Molinari Mundim, gerente do Patrimônio Imaterial do IEPHA-MG; Aldanny Rezende, gerente de Marketing da Rede Minas; Alfredo Albieri, Correspondente consular de São Sebastião do Paraiso; José Ayrton Labegalini, presidente do Círculo Italo Brasileiro di Monte Sião; Benedito Casaroto, do Círculo Italiano de Andradas; Eliane Savassi, Vice Presidente da Casa d’Itália de Barbacena; Adriana Barbosa Assessora nas Políticas Públicas e Gestão Governamental da Rede Minas; Padre André da Congregação dos Pavonianos; Sandra Nicoli, professora e pesquisadora da Imigração Italiana na UNIVALI.

O evento, totalmente gratuito e aberto ao público em geral, foi realizado na Casa Fiat de Cultura no sábado dia 3; foi promovido pelo COMITES MG, CGIE, Ponte entre Culturas e ACIBRA MG; com o patrocínio do Consulado da Itália em Belo Horizonte, o apoio da Casa Fiat de Cultura e do nosso Portal Italia em Minas Gerais.

© copyright 2008. Ponte Entre Culturas